Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Internacional’ Category

Bruno – Flamengo

Com bela defesas, o arqueiro rubro-negro conseguiu evitar as chances de ataque do Náutico, em pleno Aflitos, e saiu de campo sem ter que buscar a bola em suas redes.

Leonardo Moura – Flamengo

O lateral-direito está voltando a jogar o seu bom futebol, e o jogo contra o Timbú foi a prova disso. Com muita velocidade, infernizou o lado esquerdo da zaga pernambucana.

Émerson – Avaí

O zagueirão avaiano mostrou segurança diante do ataque corinthiano, não deixando Ronaldo levar perigo ao goleiro Eduardo Martini.

Digão – Fluminense

Mais uma vez o jovem zagueiro Tricolor aparece por aqui. Com muita raça e força física, o jogador ganhou a maioria das bolas que dividiu, tanto por baixo quanto pelo alto.

Kléber – Internacional

O lateral-esquerdo não se incomodou de jogar contra o seu ex-time e fez uma bela partida no Beira-Rio, apoiando o ataque sem deixar um grande corredor em seu setor.

Adílson – Grêmio

O jovem volante gremista sentiu-se à vontade no Mineirão e conseguiu ser um primeiro bloqueio defensivo eficiente diante do ataque cruzeirense.

Léo Gago – Avaí

O meiocampista avaiano é uma das principais revelações do campeonato e diante do Corinthians fez uma bela partida. Além de ter sido o principal desarmador do jogo, ainda anotou um golaço.

Hernanes – São Paulo

O meiocampista comandou o Tricolor no duelo contra o Vitória. Impôs seu ritmo em campo e foi essencial no segundo gol, quando roubou a bola e cruzou para Hugo completar às redes.

Maicon – Fluminense

A jovem promessa Tricolor mais uma vez foi crucial para a vitória do seu time. Com habilidade e muita velocidade, deu trabalho à defesa adversária e ainda deixou o seu tento.

Val Baiano – Barueri

O atacante simplesmente decidiu a partida com seus três gols, não dando chances ao ameaçado Botafogo.

Adriano – Flamengo

O Imperador foi o melhor em campo nos Aflitos, chamando a responsabilidade, trombando pela bola, chutando ao gol sempre que tinha a oportunidade, e ainda deixando o seu gol.

Técnico: Luís Carlos Goiano – Barueri

Montou bem sua equipe com trêz zagueiros e os velozes Bruno Ribeiro e Márcio Careca nas alas. Não deu chances ao Botafogo, que nem ameaçou o goleiro Renê, e conseguiu bela vitória por 3 a 0.

Craque da rodada

Val Baiano - Barueri

Anúncios

Read Full Post »

selecao-da-rodada7

Bruno – Flamengo

Segurou o ataque botafoguense, que finalizou 15 vezes ao gol rubro-negro. Além disso, pegou pênalti de Lúcio Flavio.

Patrick – Náutico

Fez gol na importantíssima vitória do Timbu contra o Barueri. Também teve 6 roubadas de bola, ajudando a travar Márcio Careca, uma das principais armas ofensivas do time da grande São Paulo

Claudio Caçapa – Cruzeiro

Teve a desagradável incumbência de marcar Ronaldo e o fez muito bem.

Jeci – Coritiba

Seu gol ajudou o coxa a vencer o atletiba contra o Furacão.

Marcio Careca – Barueri

Apesar de bem marcado por Patrick, conseguiu deixar sua marca na derrota para o Náutico

Hernanes – São Paulo

Belo gol contra o Santos. Liderou a equipe tricolor na vitória suada contra o Santos.

Rodrigo Souto – Santos

Deixou sua marca no clássico San-São. Bem também na marcação, com 4 roubadas de bola.

Gilberto – Cruzeiro

Adaptou-se ao meio-campo e vem sendo a principal peça cruzeirense na arrancada rumo à Libertadores

D’alessandro – Internacional

Decidiu o gre-nal com seu gol. Retomou a posição de titular com a chegada de Mário Sérgio.

Adriano – Flamengo

Golaço contra o Botafogo passando por dois adversários. Decidiu o clássico.

Nunes – Santo André

Dois gols contra o líder do Campeonato, com direito a virada de rosto em um deles

Craque da rodada

nunes-stoandre

Nunes - Santo André

Read Full Post »

longe-do-gol-brunobonsantiNo dia 29 de maio deste ano, os presidentes dos quatro grandes clubes paulistas reuniram-se no Hotel Recanto dos Alvinegros, anexo ao CT Rei Pelé em Santos. A idéia era fazer a reunião que daria o pontapé inicial a uma organização chamada G4, na qual Corinthians, São Paulo, Santos e Palmeiras uniriam forças para fortalecer a marca dos quatro times.  A reunião foi um sucesso e seria repetida outras vezes, havendo um revezamento de anfitriões.

O problema é que essa ótima idéia, que consistia em melhorar os acordos de TV, trocar informações administrativas e de marketing, valorizar os clássicos paulistas e até, pasmem, determinar um teto salarial para jogadores e treinadores, morreu pouco tempo após nascer.

Houve outra reunião, na semana passada, dessa vez promovida por Luiz Gonzaga Belluzzo, e tudo corria bem, até quinta-feira, quando o presidente palmeirense criticou o santista, usando, inclusive, palavras como mesquinho e incorreto. Segundo o economista, Marcelo Teixeira havia prometido liberar mil ingressos para o clássico entre Santos e Palmeiras na capital. O fato é que apenas 500 foram liberados, o que desencadeou a fúria do alviverde.

E há outras brigas internas também. Andres Sanchez,  depois de admitir voltar a jogar no Morumbi na primeira reunião, reiterou a antiga posição de não usar o estádio são paulino enquanto ele for presidente em declaração feita na festa de 99 anos do Corinthians. O presidente alvinegro está entrando por um caminho, no qual muitas coisas interessantes ao clube não acontecerão enquanto ele sentar na cadeira presidencial.

Essa atitude infantil e amadora prejudica tanto o São Paulo, que perde seu principal inquilino, quanto o Corinthians que, caso chegue à final da Libertadores, será obrigado a jogar para 30 mil pessoas no Pacaembu – isso se a Conmembol aceitar – ou em algum estádio interiorano.

Evidentemente ninguém pode cobrar do torcedor que ele se una aos seus rivais, embora o melhor fosse que todos soubessem as diferenças entre rivalidade e inimizade. Entretanto, os dirigentes devem comandar seus clubes com a razão, e não com o coração. Palmeiras, Corinthians, São Paulo e Santos devem brigar apenas dentro do campo, pois fora dele é imprescindível que os quatro trabalhem juntos para melhorar primeiro o futebol paulista, e depois o brasileiro. Esse amadorismo é justamente o que impede o nosso futebol de atingir o grande potencial que tem.

Em terra de cego…

Falando em amadorismo, a diretoria do Internacional demitiu o técnico Tite para contratar Mario Sérgio. Eu não sou dos que acham que o colorado é a grande decepção do ano. Esse posto será eternamente do Fluminense. O time gaúcho venceu o Campeonato Gaúcho invicto, chegou à final da Copa do Brasil e saiu das quatro primeiras colocações apenas na última rodada. Vencer campeonatos é exceção e não pode ser cobrado de nenhum time.

Fernando Carvalho já havia declarado que não conhece nenhum caso em que a troca de treinadores tenha sido preponderante para a conquista do título, mas agora, faltando apenas 11 rodadas, traz um treinador, que entende muito de futebol, mas nunca fez uma campanha digna de registro nos pontos corridos.

Ele mudou de idéia e acha que essa mudança pode levar o colorado ao tetracampeonato? Ou simplesmente já desistiu? Na verdade é simplesmente sábio ditado. A diretoria do Internacional enxerga um pouco melhor que as outras, fato que, no Brasil, não quer dizer muita coisa.

Enquanto isso..

Por outro lado, palmas a Mauricio Assumpção, presidente do Botafogo.  Ele havia combinado com o seu equivalente na gávea, Delair Dumbrosk, que dividiria a carga de ingressos no clássico entre as equipes no Engenhão, caso ela fosse igual também no Maracanã, como aconteceu. O conselho do glorioso vetou a igualdade dos ingressos, mas Assumpção bateu o pé e cumprirá sua promessa. Por essa, e por outras, que eu torço para que o Botafogo não caia.

Read Full Post »

Internacional

Apesar de ter perdido para o Cruzeiro por 3 a 2, em Belo Horizonte, o clima no Internacional está tranquilo. Durante a semana, o principal assunto foi o julgamento de quatro colorados. Daniel e Sorondo, expulsos contra o Santos, pegaram um jogo cada, já cumpridos, o zagueiro Índio foi absolvido pela expulsão contra o Avaí e Bolívar, expulso no mesmo jogo, pegou dois jogos e desfalcará o Inter neste sábado, contra o Vitória. O sistema defensivo é a preocupação de Tite, já que o time tem tomado muitos gols. Índio e Sorondo brigam por uma vaga ao lado de Fabiano Eller, titular absoluto. Na frente, Taison será mantido e Edu ficará novamente no banco.

Grêmio

Depois de dois empates, contra Botafogo e Vitória, o Grêmio voltou a vencer no último domingo, ao aplicar 2 a 0 no Náutico, nos Aflitos. O triunfo deixou o time gaúcho com esperanças de título, apesar de a chance de isso ocorrer ser de apenas 1%. Na semana do 106º aniversário do Tricolor, os jogadores mostraram otimismo em relação ao título. Para manter viva essa chama, o time busca vencer o Fluminense, no Olímpico, onde ainda não perdeu no Brasileirão. Para o duelo o Grêmio terá seis titulares pendurados: Victor, Rafael Marques, Mário Fernandes, Bruno Collaço, Adilson e Jonas.

Coritiba

Jogando em casa, com o apoio da torcida e o tradicional “Green Hell”, o Coritiba apenas empatou com o Corinthians, na quarta feira. Apesar de ter saído na frente, o Coxa não conseguiu conter o ímpeto corintiano e sofreu o empate. Mesmo sem ter vencido, os jogadores consideraram o resultado bom, já que o time abriu 3 pontos para a zona de rebaixamento. O técnico Ney Franco revelou otimismo na corrida contra a Segundona e afirmou que o time planeja conseguir 7 pontos nos próximos três jogos contra Flamengo, Náutico e Internacional.

Vitória

O rubro negro baiano venceu, no domingo, o líder do Campeonato Brasileiro, em casa e busca, agora, repetir a dose contra o segundo colocado, o Internacional, sábado, no Barradão, onde conseguiu oito vitórias em doze jogos. A boa notícia ficou por conta do Tribunal, que absolveu o volante Magal, que havia sido expulso contra o Grêmio e está confirmado pelo técnico Vagner Mancini, para o duelo contra o Inter. Entretanto, o atacante Derlei, que havia estreado com gol no último domingo, contra o Palmeiras, bateu o joelho em uma mesa e não participará do jogo.

Read Full Post »

Internacional

Após visitar e vencer o Avaí por 2 a 0 no último final de semana o Internacional teve uma semana tranquila. As vendas ingresso para o duelo contra o Cruzeiro, em Porto Alegre no próximo domingo, foram impulsionadas pela boa fase que o Colorado vem atravessando. O possível retorno do meia Andrezinho, que na quarta-feira foi liberado para treinar com bola, foi a notícia mais comemorada no Beira-Rio durante os treinamentos para o duelo com os mineiros. O técnico Tite teve trabalho para trabalhar com seu elenco, uma vez que quatro titulares desfalcarão o Inter no jogo do fim de semana: Índio, Bolívar, Giuliano e Sandro. Os dois primeiros por terem sido expulsos contra o Avaí e os dois últimos por estarem integrando a Seleção Sub-20. Fora dos gramados o vice-presidente Fernando Carvalho voltou a dirigir críticas à arbitragem do Brasileirão. Segundo o dirigente os árbitros estão apitando de forma a beneficiar os clubes paulistas da competição. O goleiro Lauro, titular absoluto, renovou seu contrato, que expirava em 2012, até 2014.

Grêmio

O empate em 1 a 1 com o Vitória em pleno Olímpico não fez bem à cabeça dos gremistas. A semana do Tricolor gaúcho não foi das mais tranquilas e o tema principal em torno das entrevistas com jogadores e com o técnico Paulo Autuori esteve no reencontro com as vitórias – o Grêmio não vence há duas rodadas. O treinador se mostrou tranquilo e fez elogios ao seu trabalho frente à equipe, afirmando que os resultados recentes não são amostras para críticas construtivas. Os jogadores, por sua vez, se preparam para o duelo contra o Náutico, em Recife, baseados na lendária Batalha dos Aflitos, jogada em 2005 contra o adversário do próximo domingo e que valeu, no ano em questão, o acesso do Tricolor à Série A. As novidades na semana ficaram por conta do retorno do volante William Magrão aos treinos após período se recuperando de lesão no joelho e pelo retorno às condições de jogo do atacante Maxi López, que afirmou estar com 100% de suas condições e teve, com isso, assumir a titularidade no Recife.

Coritiba

Com seu jogo contra o Corinthians adiado apenas para a próxima quarta-feira em virtude de pedidos da TV, o Coritiba aproveita o longo tempo livre para aprimorar setores que, segundo o treinador Ney Franco, falharam no empate em 2 a 2 com o Goías, fora de casa, na última rodada. Com o clima mais ameno após a chegada do técnico e o evidente afastamento da zona de descenso, os jogadores coxa-branca tiveram uma semana descontraída, mas repleta de treinamentos. Isso porque Ney Franco terá muitos desfalques para o jogo de quarta no Couto Pereira. As principais ausências podem ficar por conta de Carlinhos Paraíba, Pereira e Cleiton, que serão avaliados até a próxima terça para saberem suas reais condições

Vitória

Depois de visitar o Grêmio e garantir um empate com a equipe gaúcha em pleno Olímpico, o Vitória se prepara para receber no Barradão o líder Palmeiras. A semana do Rubro-Negro da Bahia foi tranquila e a absolvição do técnico Vagner Mancini perante o STJD em julgamento por ofender árbitro foi o fato mais comemorado.

Read Full Post »

Rogério Ceni – São Paulo

O veterano arqueiro parece estar realmente voltando a sua velha forma. Fez belas defesas, principalmente em forte cobrança de falta de Gilberto.

Nei – Atlético Paranaense

No 0 a 0 contra o Flamengo, o lateral mostrou muita disposição na defesa e ainda mostrou mais uma vez que sabe apoiar o ataque.

Fabiano Eller – Internacional

Mal chegou ao Colorado e já anotou seu primeiro gol em sua nova passagem pelo clube, além de ter realizado boa partida, garantindo a segurança do setor defensivo.

Ronaldo Angelim – Flamengo

O zero no placar da Arena da Baixada pode ser explicado pela atuação da defesa rubro-negra, comandada por Angelim, que ainda contou com a boa ajuda de Álvaro.

Márcio Azevedo – Atlético Paranaense

O lateral abusa das investidas ao ataque. Com muita velocidade, deu trabalho para a zaga do Flamengo.

Souza – Palmeiras

Mais uma vez o jovem volante palestrino mostrou que deverá ter um belo futuro no futebol. Apesar da pouca idade, mostra uma tranquilidade de veterano com as bolas no pé.

Magrão – Internacional

Depois de ser contestado pela torcida colorada, o meiocampista parece estar voltando ao seu bom futebol. Diante do Avaí fez bela partida, mostrando sua costumeira raça e ainda anotou um gol.

Giuliano – Internacional

O garoto vem jogando muita bola e mais uma vez se destacou. Vai ser uma grande perda para o Colorado durante o Mundial Sub-20.

Marlos – São Paulo

O habilidoso meiocampista saiu do banco de reservas para mudar a cara do jogo. Fez o gol de empate e deu nova movimentação ao Tricolor.

Éder Luís – Atlético Mineiro

Outro que saiu do banco de reservas direto para a Seleção da Rodada foi o atacante atleticano. Sua entrada em campo impulsionou a virada do Galo.

Ariel – Coritiba

Apesar de um tipo físico que engana, o argentino também sabe esbanjar técnica com a bola. Em jogo duro contra o Goiás, balançou as redes duas vezes, com direito a golaço de bicicleta.

Técnico: Ricardo Gomes – São Paulo

O treinador sãopaulino simplesmente colocou em campo dois jogadores que viraram a partida para o Tricolor. Marlos pegou na bola pela primeira vez e empatou. Mais tarde, Borges entrou para empurrar a bola às redes e decretar a virada paulista.

Craque da rodada

ariel-coritiba

Ariel - Coritiba

Read Full Post »

Glédson – Náutico

Sem destaque na grande mídia, o goleiro do Timbu vem realizando boas partidas recentemente. Na bela vitória diante do Atlético Paranaense, evitou buscar bolas em suas redes.

George Lucas – Santos

Contratado há pouco tempo pelo time da Baixada, o lateral fez bom jogo contra o Fluminense e ainda foi respondável pelos dois cruzamentos que originaram os gols de André e Paulo Henrique.

Cláudio Luiz – Náutico

Zagueirão que oscila momentos bons e ruins, mostrou segurança no embate contra o Atlético Paranaense.

Edmílson – Palmeiras

Apesar de começar a partida no meio de campo, acabou deslocado para a defesa após a saída de Maurício Ramos. Diante de sua ex-equipe, mostrou mais uma vez sua elegância com a bola nos pés e ainda marcou com precisão.

Kléber – Internacional

Após passar por um momento de fraco rendimento, o lateral-esquerdo parece estar reencontrando seu bom futebol. Na última partida, apoiou muito o ataque e ainda anotou seu gol, um golaço.

Leandro Guerreiro – Botafogo

O Fogão não vive um bom momento, mas poderia ser pior se não tivesse o volante no time. No 3 a 3 contra o Grêmio, mostrou sua costumeira raça e ainda fez um belo gol.

Guiñazú – Internacional

Um dos jogadores mais importantes do elenco Colorado, o argentino tomou conta do meio de campo, não deixando que o Goiás criasse jogadas de perigo. Além de matar o ataque adversário, subiu ao ataque e balançou as redes de Harlei.

Derley – Náutico

Mais uma vez na Seleção da Rodada, o meiocampista vem se destacando no Brasileirão e, contra o Furacão, mostrou novamente sua qualidade, inclusive fazendo um bonito gol.

Petkovic – Flamengo

Contratado com ressalvas, o sérvio não apresenta um bom preparo físico, mas ainda sabe o que faz com a bola. Na vitória diante do Santo André, foi o responsável por armar o rubro-negro e fez 80% da jogada no gol de Zé Roberto.

Roger – Vitória

O atacante não fez sucesso em Palmeiras e São Paulo, mas em equipes de menor expressão continua mostrando-se um matador. Incomodou a defesa cruzeirense e no final marcou um golaço, o de empate.

Marquinhos – Internacional

O Colorado continua provando que seu projeto de base dá resultados. Na goleada de 4 a 0 sobre o Goiás, mais um jovem talento parece ter surgido. Mostrando habilidade e personalidade, o atacante abriu o placar no Beira-Rio.

Técnico: Muricy Ramalho – Palmeiras

Apesar de alguns não concordarem, o 0 a 0 foi um excelente resultado no Morumbi. Há tempos o Palmeiras não se impunha como fez no campo tricolor. Por conhecer muito bem o adversário, o comandante alviverde não deixou que seu time fosse pressionado.

Craque da rodada:

kleber-inter

Kléber - Internacional

Read Full Post »

Older Posts »